Como os Clubes do Interior vão ter grana para um campeonato sem público?

Como os Clubes do Interior vão ter grana para um campeonato sem público?


foto: Tiago Medeiros

Em um ano em que os maiores clubes do Brasil buscarão diminuir suas despesas, o Campeonato Baiano de Futebol tem alguns pontos indefinidos na cabeça dos dirigentes e aficcionados pelo esporte. Ou será uma competição bancada pela televisão, a união entre os clubes com apoio do poder público e de empresas que têm disposição a investir no esporte, afinal se com suas torcidas locais os clubes do interior já sofriam, imaginem agora sem esta fonte de renda!
Alguns clubes a exemplo do Bahia de Feira que é administrado por um grande grupo empresarial e a Jacuipense que tem se demonstrado forte na gestão de Gegê Magalhães pode ser que venham a sofrer menos, mas isso não é uma regra, o atual vice-campeão Atlético de Alagoinhas já não fará os mesmos investimentos realizados em 2019 e 2020. A verdade é que a pandemia colocou o futebol do interior na UTI, e quem poderia ser o médico (FBF) não criou alternativas viáveis desde a retomada em 2020, quando de forma viril rebaixou o Jacobina, mas poderia ser qualquer clube, ao invés de se buscar a vacina naquele momento, introduziu o veneno do descenso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *