Em 45 dias você pode avaliar um funcionário?

Em 45 dias você pode avaliar um funcionário?

Na verdade os prefeitos só começaram a agir a partir do dia 04 de Janeiro, pois a palavra atuar cabe à toda classe política brasileira, tornando este país em uma novela sem final feliz.
Hoje de fato podemos falar sobre 40 dias de governo, embora cronologicamente sejam 45 dias, e preparem -se escreverei a crônica, contrato de experiência.

O Prefeito de sua cidade é o gerente do seu município. Impossível julgar governo a menos de 01 ano.

Foto: Direitos Brasil

O número 40 representa provação e não aprovação, se é muito cedo para avaliar os qualquer governo municipal tupiniquim, podemos no entanto avaliar perfis, e a pergunta é: Qual é o perfil do gestor da sua cidade ?

Em 40 dias sabemos se o gestor demonstra senso de organização, perfeccionismo, centralizador, bom ouvinte, visionário, sonhador, ilusionista, maquiador, progressista, conservador ou simplesmente denota na população algum sentimento de satisfação ou arrependimento.

Embora tenhamos diversos aspectos a avaliar, podemos ter uma certeza, governar não é algo fácil, ainda mais em um quadro instável que vive o Brasil em diversos aspectos, contudo os desafios neste momento parece ser os mesmos para todos os chefes de executivo municipal, enfrentamento da pandemia, fomentar a retomada da economia em suas respectivas comunidades e também pensar estrategicamente sobre a retomada das aulas de milhões de crianças que ainda não foram vacinadas e que a maioria podem sim ser vetores de transmissão do vírus, mas isso a gente deixa pra outro dia, pois nosso papo hoje é reflexivo sobre gestões municipais.

À população uma palavra de encorajamento, sejam participativos, sugestivos, cobradores de ações em prol da coletividade. Aos gestores três conselhos; é hora de se pensar de forma única sobre saúde, priorizando a pauta da vacinação, mas não somente dela, afinal os assuntos cotidianos permanecem, pensem em projetos exequíveis e não sintam -se na obrigação de obras vultosas, pois manter a prestação de serviços é prioridade, vislumbrem o futuro dos seus municípios com base na possibilidade de um reset financeiro, ou seja um quebra geral no mundo, afinal economistas apontam períodos de dificuldades, porém todos nós, senhores feudais e vassalos, precisamos manter a chama viva da esperança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *