Jacobina poderá ter novo Centro de Distribuição de Cervejaria

Jacobina poderá ter novo Centro de Distribuição de Cervejaria

Na noite da última terça-feira, (06), o prefeito de Jacobina (Tiago Dias – PC do B) juntamente com o empresário Rafael Damasceno, anunciaram a possibilidade de que a cidade do ouro possa ter em seu rol de empresas a Cervejaria Cidade Imperial Petrópolis, indústria cervejeira responsável pelo mix da cerveja Império. Jacobina que já tem um Centro de Distribuição do Grupo Petrópolis, fabricante de marcas como Petra e Itaipava, passará então a figurar no estado da Bahia como um dos maiores centros do mercado de bebidas, uma vez que, além da possibilidade de ter dois CDD’s, a cidade conta ainda com uma distribuidora franqueada da Ambev e serviços da Coca Cola e Brasil Kirin (Schincariol).

Dentro do mercado de bebidas e alimentos, a venda de cervejas representa a maior arrecadação tributária, o que implica diretamente em dividendos para o município por meio do ICMS (Imposto sobre Compra de Mercadorias).

Segundo Damasceno a cidade tende a ganhar no aspecto da geração de emprego e renda. “Somos um município vocacionado ao crescimento por meio do comércio, da indústria e da prestação de serviços. Em conversa com um amigo jacobinense ele apontou para esta possibilidade com a empresa Cidade Imperial Petrópolis e prontamente busquei o poder público por meio do prefeito, com a finalidade de viabilizarmos este empreendimento” relatou Rafael.


Parque Fabril da Cerveja Império na cidade de Petrópolis – RJ

Jacobina até a primeira década dos anos 2000 foi referência dentro do mercado cervejeiro, figurando entre os principais praças deste segmento comercial no estado, tendo passado por aqui grandes grupos empresariais a exemplo da NORSA (maior distribuidor da marca Coca-Cola), que tem o senador Tarso Jereissati como um dos principais acionistas, grupo SucoVale na década de 90 – pertencente à Família Bezerra Coelho, o extinto Grupo Marinaldo Rosendo, que chegou a ter 32 revendas da marca Schincariol, já em 2013 com a chegada da “Itaipava” e o fortalecimento notório da DIBEC-Ambev, o município voltou à cena de forma pujante.

De acordo o gestor municipal a nova empresa poderá estabelecer-se em Jacobina e atuar em um raio de até 300 km, tendo como localizações limítrofes em sua área de atendimento, as cidades de Xique-Xique e Riachão do Jacuípe. “Hoje estivemos reunidos no município de Juazeiro conversando com prepostos da Império, com o objetivos de viabilizarmos a chegada desta conceituada cervejaria em Jacobina, afinal isso representa a possibilidade de homens e mulheres estarem inseridos no mercado de trabalho, assim podemos vislumbrar empregos diretos e indiretos, são motoristas, ajudantes, serviços administrativos, vendedores atuando nas diversas rotas, vindo a ter um aquecimento na economia local e regional, basta observarmos o crescimento das pequenas e médias distribuidoras em Jacobina, e consequentemente mais gente trabalhando e sustentando suas famílias” contou Tiago Dias.


Projeto da Nova Fábrica da Cerveja Império em Alagoinhas.

Além dos serviços de distribuição, a Cervejaria pretende construir sua nova fábrica na cidade de Alagoinhas, o projeto já está elaborado e a perspectiva é de serem investidos cerca de 1,2 bilhão de reais no novo parque fabril, gerando cerca de 450 empregos já em sua fase de construção, nesta que será sua quarta unidade fabril. As tratativas com o Governo da Bahia acontecem desde setembro de 2020 por meio Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, que tem por titular da pasta o vice-governador João Leão. Atualmente a empresa conta com fábricas em Petropólis-RJ, Frutal-MG e Jataí-Go.

A prefeitura de Jacobina por meio da Secretaria do Planejamento e Desenvolvimento Econômico aguarda parecer do legislativo com relação ao Projeto de Lei das PPP’s (Participações Público-Privadas) e também sobre o Pólo de Desenvolvimento, um empreendimento aguardo tanto por empresas locais como por aquelas que tendem a vir de outros municípios e estados.

INFORMA SERTÃO/ Clayton Luz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *